Resenha: Sentimento Solúvel - Southward River

Oi gente! Quando fui escolher minha leitura da vez aqui pro blog não busquei nada sobre a obra, fui pela sinopse e só. Dessa maneira não criei expectativas e hoje trago a resenha de "Sentimento Solúvel" para vocês. Olha só:

Título: Sentimento Solúvel -
Autora: Southward River
Ano: 2016
Páginas: 223
Idioma: português 
Editora: Percurso
ISBN: B015UHFD4A

Nos tempos atuais, em um castelo isolado nos Alpes Franceses, se esconde um incubus. Seu nome é Alexsander Mordoren, e ele é mais antigo que as pedras que constroem o castelo onde habita. Alimentando-se de jovens virgens por todos os séculos de vida até ali, não via problemas em sua maneira silenciosa de obter energia vital. E então, depois da morte de mais uma vítima, Alexsander recebe seu novo alimento.  Awa Blame é uma garota de seis anos que, como todas as outras antes dela, deve ser criada até os quatorze para então, servir de comida ao Mestre. Mas os anos ao lado da valente e curiosa Awa, tornam o incubus um homem cheio de ponderações e Alexsander descobre da pior forma que nunca se deve deixar a bondade entrar em um coração onde só a maldade dança.

Para começar, com esse nome, qualquer um imagina que trata-se de uma obra da literatura estrangeira. Engana-se, porém, já que a autora é brasileira e adotou esse pseudônimo justamente por acreditar que há um preconceito com autores nacionais. Pois bem, conhecemos Awa ainda criança, com 6 anos ela é sequestrada na Austrália e vai parar nos Alpes Franceses a mando de Alexsander Mordoren. Desde pequena, a curiosa menina já desperta algo em Alex. Ela deve viver no castelo até os 14 anos, quando, ao tirar sua virgindade ele tira também parte de sua vida. Eu demorei para entender o que de fato Alexsander era, mesmo gostando do sobrenatural foi a primeira vez que li algo sobre incubus e pude tentar entender um pouquinho.

Awa cresce e se torna uma jovem linda, e o sentimento (solúvel?) entre os dois cresce cada vez mais. Prova disso, é que o cara, que se denominava um "monstro" passa a ficar confuso cada vez que se aproxima da menina. Aqui temos uma questão super pertinente de ser tratada: a síndrome de Estolcomo. Para quem não sabe, é o nome normalmente dado a um estado psicológico particular em que uma pessoa, submetida a um tempo prolongado de intimidação, passa a ter simpatia e até mesmo sentimento de amor ou amizade perante o seu agressor. Awa se sente bem ao lado de Alex, a relação dos dois realmente é construída. Eu posso dizer que não acredito que a menina tenha sofrido da síndrome. Primeiro, porque tão nova, ela não sabia o porquê estava ali, sabia que ele não era de sua família, mas não que havia sido sequestrada. Logo, não há esse estado psicológico na cabeça dela "de sequestro". Alex leva até o último dia e último minuto para "sugar" a vida de Alex e é ai que temos uma reviravolta, a menina forte e decidida tenta virar o jogo e temo outro panorama da história.

Resultado de imagem para sentimento solúvel



Não quero entregar muito, mas apesar de bem parado (a história praticamente inteira se passa dentro do castelo), me vi torcendo pelo casal, pela redenção de Alex e pela liberdade de Awa. É uma leitura que provoca muitos sentimentos, o principal é essa questão do amor proibido. Não bastasse ter sido sequestrada, se o cara fizer amor com ela, a mata e ela por sua vez quer, porque o ama e não o quer ver morrer. Conflito! A leitura é fluída e a autora nos dá muitas descrições. Algumas coisas vão acontecendo para movimentar a trama, como a chegada de um amigo incubus de Alexsander ao castelo, mas o final realmente surpreende, até porque não sabemos bem até onde vai o "poder" de Alex. Fiquei sabendo que há uma continuação e eu sinceramente, leria. "Sentimento Solúvel" não é meu gênero favorito, mas prende e ao final dá uma certa curiosidade em saber como as coisas se resolvem. 


É isso, espero que tenham gostado, até a próxima!


Beijos 

 

Curta também

Arquivo do Blog

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas