Ângulos


Leio o status de Rosane...

"Como reflexo do mundo e do homem, a alma é de tal complexidade que pode ser observada e analisada a partir de um sem-número de ângulos. Com a psique acontece justamente o mesmo que acontece com o mundo...."
Jung


Observo a imagem que o acompanha
 E sinto através das palavras de meus pensamentos:


**Ângulos**

Em cada ponto um conto
contido ou destemido...
Em cada fio um laço
Um espaço,
Um traço escolhido
Em cada ângulo
Um número
inumerado
pela diversidade
dos olhos
que recriam para descobrir
os rumos de um caminho
perdido que nem achado
houvera sido.

Poeminha - Dor de dente doída




Ente
Um dente doente 
e descontente...
Dor latente
E inconveniente...

Ente,
dentro do juízo...
um causo um conto
um tudo....

Ente, 
Para quem tem dente
doente!

Por Vanessa Vieira 
Imagem: Dali

CriativanSer

Dali
O desespero da criação
toma-me conta da alma.
Eis que minhas veias
gritam enlouquecidas
pelas gotas da imaginação fértil,
 e da coragem produtora,
que seja despudorada,
que se liberte dos preconceitos
e dos preceitos preditos
por tanta humanidade.

Meu sangue anseia por MAIS
para se manter em rodopio
pelo corpo de carne e ossos
que tenho.

E que MAIS será este
Que tanto desejo?
Onde estará o pote de ouro
que guarda minha verdadeira
personalidade?

Que os versos, reversos e convexos
que escrevo os encontrem.

OutroSonhos





Trago, neste peito dilacerado, um sonho
Algo maior do que o próprio sentimento
De quer…
Por isso ando… Tanto e no entanto,
Dando voltas no mundo dos sentimentos
Para assim fertilizar o sonho
E fazer de um peito dilacerado
Um fruto juízo.
Corro, pulo, danço, sapateio.
Caio levanto e sigo…
Prossigo.
Sou uma fera ferida
Que busca na alma
O sonho
De um coração!


UnFim


By Vgvieira (eu)

E há uma novidade que me acomete. Na verdade, que tem me acometido e  vem me tirando do sério... E nada mais é do que ser este ser que não sou. Ser isso que não quero. Nada mais. Nada além. Só isso.
Vivo vendo tudo e nada e o nada dentro de tudo. Sou parte das coisas que queria, mas que lá no fundo não encontro. Busco sempre e ando sempre em busca do não sei...
Então, sou um não sei em construção, vivo, ando, preambulo, pinto, bordo e sempre retorno ao que não era porque no fundo nada fui, sendo de tudo um pouco.
Assim, perco adrenalina, ganho novidades de conhecimentos de mim, encontro o ânimo perdido nos espelhos do que já fui e sendo ainda busco lá, neste interior, os hormônios que ainda preciso para continuar sendo, ou retornar a ser. Mesmo que este ser seja diferente do que era.
Perco a voz, nada de canto, nada de falatório, uso errado aquilo que tanto aprecio. Eis minha imbecilidade. Valorizar os errados de mim e sem ter noção do que aprecio realmente. Sou um fim à procura de um reinício. De um ponto linear. De um ser.
Escrevo, penso, confabulo, digo e às vezes, peno para dizer. Mas enfim, continuo respirando. E agora sem vontade da vontade de nada. Algo se recria e me faz ter vontade de continuar neste circulo que de circulo nada tem, pois não sei a que caminho me levará.
Estou apenas..

Pagando para ver...

aVidar-se


Muitos radicais, prefixos e sufixos
Podem recriar os significados
de verso tão singelo
e empolgante
Porém ele vem à mim como
Significado de reconhecimento próprio
Avidar-se é tomar de si,
Ter conhecimento
Quem se avida sabe o que quer,
E o que não quer
e Sabe que ainda tem muito a saber sobre si
Porém,  Avida-se de vida
Para que pela vida
De acertos e erros,
possa reconhecer-se
e viver bem...
Avidemo-nos
E busquemos a essência
Mutante de quem somos!


 Vanessa Vieira em  Inventar palavras -  Vidráguas

Primeiro de fevereiro


Não é o dia da mentira
Porque não é primeiro de abril
Nem o início da primvera
Porque setembro já se foi
Mas é dia de primavera,
Dia de lembranças
De boas recordações.
Por quê?
Porque você nasceu!
Hoje os anjos relembram 
O dia de tua chegada 
Àqueles que lhe deram à luz
Lembram o quanto fostes esperada
E você,  sucesso de vida,
Relembra as páginas que 
Escrevestes nos diversos 
Volumes de tua história.
Afinal, hoje completas
O volume 35, não é verdade!?
Um grande história tens
Hein flor de primavera!?
E eu lhe agradeço 
Por poder compartilhar contigo
A comemoração de tão importante 
E significativo dia!


Feliz aniversário  Vivian Souza Duarte




Sombrilhar


Andar pelo caminho da sombra
Em busca do brilho. 
Ser atento, persistente...
Conceder ao sucesso 
a beleza de uma luta
bem enfrentada.


Viver pelos caminhos do brilho
E usar como ponte as sombras das árvores.
O intenso só é intenso
Porque foi bem vivido.


Eis ai a definição de Persistência
Para um leve Sombrilhar!




Beijo a todos e bom dia!!!


Por Vanessa Vieira
Imagem retirado do Google

Bom dia


Logo de manhã
os Céus de abrem
E a vida celebra
a Dadiva de um novo dia Viver!
Bom dia!!!!

 

Curta também

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas