Parceria com autor: Luiz Henrique Mazzaron



 Olá Pessoal!

Hoje estou aqui para apresentar a vocês nosso mais novo autor parceiro. =) Felicidades por aqui. E quem vem chegando para abrilhantar nosso cantinho é o escritor Luiz Henrique Mazzaron. Estou muito feliz pelo autor ter escolhido nosso blog e espero que esta seja uma parceria de muito sucesso! 


Vamos conhecer um pouco mais sobre o Luiz Henrique?

BIOGRAFIA



"Estudante universitário da UFABC, Luiz Henrique Simão Mazzaron nasceu em São Bernardo do Campo, mas viveu toda sua vida em Santo André, São Paulo, com os pais, avós e um verdadeiro mini-zoológico no quintal. No ensino médio, encontrou na literatura estrangeira uma paixão e se arriscou a mergulhar nas letras. Apaixonado por livros, videogames e filmes/séries, teve seu primeiro livro lançado em 2013: 'Máscara - A vida não é um jogo', primeiro volume da série de terror Máscara. E, usando da experiência adquirida e do fascínio por RPG's, resolveu abraçar também a ficção fantástica com O Sol Perdido."


Nesta parceria, recebemos para resenha o livro O Sol Perdido. ( que de cara já me deixou curiosa! rsrs). Vem conferir a sinopse da obra:



Sinopse: "Erik é órfão e faz parte dos Raposas Prateadas, grupo de ladrões infame do Reino do Norte. Em meio à tensão política e econômica vigente no reino, decidem fazer o roubo do século. O alvo? O castelo real.
Tudo parecia perfeito, mas as coisas não saem como planejado: a missão falha e o grupo de Erik é capturado. Seria o fim de todos, mas Aleshandra, rainha regente, revela que o rei Corben Leindrast desapareceu e propõe uma troca: a vida do bando pelo rei, ou simplesmente pelo anel real, indispensável para resolver a questão da sucessão do trono.
Sem escolhas, Erik parte em uma jornada tortuosa pelas terras de Illusa junto aos Raposas e a escolta da revolucionária princesa Taíssa Leindrast, desbravando terras perigosas e enfrentando de mercenários a grandes dragões.
Mal sabia ele que aquela aventura se desdobraria em algo muito maior e mais perigoso, que mexeria não só com suas crenças sobre aquela sociedade movida pelo poder e pela fé distorcida, mas também com seu coração solitário e com o destino de todos os povos.
Intrigas, traições, um romance proibido e o despertar de um mal antigo permeiam a busca pelo rei, abrindo caminho para aquela que seria conhecida como a mais fantástica das Lendas de Illusa."

 Temos aqui algumas fotos extras vejam:

- PERSONAGENS DA HISTÓRIA -



- FOTO DE QUANDO O LIVRO CHEGOU -


Gostou da novidade? Então fique de olho em nosso blog, pois logo teremos resenha e claro, não deixe de acompanhar as redes sociais do autor, para ficar por dentro de outras novidades sobre ele e suas obras:


Até Breve!  

Café Poético - 'Grupo Poético'

Olá pessoal!

Hoje nosso Café Poético será em grupo. Vem comigo que eu explico!!!



Aqui em minha cidade, Armação dos Búzios temos um grupo de poetas, na verdades alguns grupos. E no WhatsApp nos reunimos para trocar ideias, partilhar versos, marcar encontros e conVersar claro.

Foi então, que numa noite dessas, ou melhor madrugada, começamos a falar e quando vimos a poesia já tinha se formado. Eu não poderia deixar de compartilhar com vocês este momento especial. Então, trouxe para nosso cantinho poético uma poesia escrita a doze (12) mãos. Sim, sim. Isso mesmo que vocês leram. Vejam só:



"ENCORDAÇADOS EM POESIA"

As horas avançam a madrugada,
mas os amantes da poesia
se mantém acordados...

De acordo?
Concordo?
Sem corda...

Arrajam!!!

Com a corda da Música, 
a corda dos tempos...

Versejam, poemam,
acordados para a corda da arte.

Quando a poesia vive pronta
acorda corda dá. 

Escrito por:  
Alex, Ana Curi, Luisa Barbosa, Telma, Vera Lílian e Vanessa Vieira

 
Hoje não teremos biografia, mas prometo que loguinhos teremos poemas destes lindos poetas por aqui e você poderá conhecer um pouco mais sobre eles. Não deixe de nos dizer o que achou do poema. O que te faz lembrar, pensar? Vamos Conversar? 

Dica de leitura - Mês de Maio

Oi gente! Mais um post sobre dica de leituras para vocês. Hoje eu trouxe quatro livros bem diferentes, mas que são ótimos no que se propõem. Vamos lá?



A DESCONHECIDA  - Peter Swanson






 
Uma história sombria, em uma atmosfera romântica e um quê de Hitchcock, sobre um homem que fora arrastado para uma trama irresistível de paixão e assassinato quando um antigo amor reaparece.de mentiras.Em uma noite de sexta-feira, a rotina confortável e previsível de George Foss é quebrada quando, em um bar, uma bela mulher senta-se ao seu lado. A mesma mulher que desaparecera sem deixar vestígios vinte anos atrás. Agora, depois de tanto tempo, ela diz precisar de ajuda e George parece ser o único capaz de salvá-la. Será que ele a conhece o suficiente para poder ajudá-la?




O QUE EU ACHEI:

George Foss tem seu mundo virado de cabeça para baixo com a chegada de um antigo amor. Eu amo um bom suspense e sou suspeita para falar. Algumas charadas eu matei, outras não... Além da história do presente, somos levados ao passado, quando George conheceu Liana Decter na faculdade e descobrimos o porquê dela ser tão misteriosa/perigosa.



DULCE AMARGO - Dulce Maria


Neste livro, a cantora mexicana Dulce María abre o coração para compartilhar suas composições com os fãs e traz à tona uma série de recordações. Dulce María obteve fama mundial com a novela Rebelde (2004), ao interpretar a indomável Roberta Pardo. De visibilidade internacional, participou também da banda RBD, até seu término, em 2008. Agora ela volta trazendo aos leitores os escritos de seu passado, expressando sentimentos conflituosos e dividindo pensamentos sonhadores com os fãs.






O QUE EU ACHEI: Dulce é uma das minhas artistas preferidas, então sou totalmente suspeita para falar. Mas até quem não gosta do trabalho da cantora há de ficar comovido com o desabafo através de lindas poesias e poemas contidas nesse livro. Ela faz refletir, questionar, ter fé... detalhe para as ilustrações fofas feitas pela própria!





VINCI - JC



 
Vinci... Um livro para ler, suspirar, interagir e se encantar. Em cada página uma história para rir, se emocionar, refletir. Seu caderno, sua agenda, seu livro sobre vida, amor, sobre você! Impossível resistir ao encanto de Vinci.





O QUE EU ACHEI: Vinci é a nova aposta da Young Editorial. São crônicas leves, que contam situações vividas pela autora. Com uma escrita fluída e sensível, Jaqueline é outra que nos faz refletir com lindas frases e ilustrações. São da artista todas as ilustras do livro, incluindo a capa que é muito amor!



O BANGALÔ - Sarah Jio


Verão de 1942. Anne tem tudo o que uma garota de sua idade almeja: família e noivo bem-sucedidos. No entanto, ela não se sente feliz com o rumo que sua vida está tomando. Recém-formada em enfermagem e vivendo em um mundo devastado pelos horrores da Segunda Guerra Mundial, Anne, juntamente com sua melhor amiga, decide se alistar para servir seu país como enfermeira em Bora Bora. Lá ela se depara com outra realidade, uma vida simples e responsabilidades que não estava acostumada. Mas, também, conhece o verdadeiro amor nos braços de Westry, um soldado sensível e carinhoso. O esconderijo de amor de Anne e Westry é um bangalô abandonado, e eles vivem os melhores momentos de suas vidas… Até testemunharem um assassinato brutal nos arredores do bangalô que mudará o rumo desta história. A ilha, de alguma forma, transforma a vida das pessoas, e este livro certamente transformará você.



O QUE EU ACHEI:  Sarah Jio vem conquistando muita gente com seus romances. Esse livro além de uma história de amor também tem a luta da protagonista. Anne, mulher, que correu atrás do que queria em pleno 1942. A autora tem um artifício muito bom que é intercalar passado e presente, já tinha lido algo assim em "Neve na primavera" e gostei muito.



Para quem quiser ver as resenhas desses livros, só dar um pulo lá no blog Coisas da Juh.
E, aí já ouviram falar desses ou já leram? Me contem!

Besos

Gosta de Contos de Fadas? Então chega mais!





A Editora Wish anunciou este mês o financiamento coletivo do segundo volume do livro Contos de Fadas em suas versões originais.

Entre os contos selecionados estão A Bela Adormecida, A Rainha da Neve (que inspirou Frozen), João e Maria, Os três porquinhos e Polegarzinha.



A Wish tem a ideia de trazer a cultura nórdica em contos populares e desconhecidos, como é o caso do terrível Flautista de Hamelin, ou a profunda história celta dos Filhos de Lir.

Para quem não conhece, o Catarse é uma ferramenta de financiamento coletivo, onde o leitor pode selecionar suas recompensas (entre elas, um pacote com o livro impresso) e ajudar a editora a publicar.

Todos os colaboradores terão seus nomes impressos no livro na área de Agradecimentos.

Vamos Publicar?


Você pode ajudar fazer esse projeto acontecer acessando o link: 

Veja outros links da Editora Wish

Facebook | Twitter | Lojinha

 

Resenha: Paixão India - Javier Moro

Título: Paixão Índia
Autor: Javier Moro
Editora: Planeta
Páginas: 389
ISBN: 978-85-422-0697-5
Ano: 2016

Sinopse: A jovem Anita Delgado era bailarina na Espanha, no início do século XX, quando um marajá indiano se apaixonou por ela, lhe deu um palácio e a transformou em princesa – mas não em sua única mulher. Depois de chegar à cidade de Kapurthala sobre um elefante luxuosamente adornado, a nova princesa descobriu que aquele aparente conto de fadas não transcorreria sem o inevitável choque cultural entre dois mundos que se mostravam mais diferentes do que ela imaginava. As outras mulheres do marajá e seus súditos viam em Anita uma ameaça à tradição hindu, e a jovem, apesar de cercada de conforto e riqueza, vivia na mais completa solidão. Determinada, porém, ela se manteve no lugar que acreditava ser o seu – até seu coração começar a bater de maneira diferente. Javier Moro realizou pesquisas detalhadas, tanto na Europa quanto na Ásia, para construir uma narrativa minuciosa da relação do casal, que deu origem a um dos maiores escândalos da Índia inglesa.



A historia real da princesa espanhola  e seu rajá de Kapurthala. Este com certeza é um dos livros mais lindos que li. O autor caprichou, nos trouxe um álbum de fotos sobre os protagonistas e o enredo contado tem uma leitura de fácil compreensão que permite que você se sinta dentro da história em todos os momentos.

Javier Moro nos levará a conhecer uma Índia no inicio do século XX um país exótico e extravagante que tem um povo miserável e, mesmo estando nessa condição, não se importa que seus marajás esbanjem  suas exorbitantes riquezas.


Aqui vamos torcer muito por Anita Delgado uma jovem bailarina que verá sua vida mudar quando o rajá Jagatjit se mostra completamente apaixonado por ela.  Anita é uma moça que teve de seus pais uma criação muito honrosa.

Em uma determinada noite em que esta se apresentando como dançarina em um dos cafés da cidade com sua irmã mais nova  ela recebe a visita de um intérprete oferecendo dinheiro para que  apenas converse com o rajá. Ela se sente insultada por isso e nega o convite veementemente, fato que desperta ainda mais o interesse de Jagatjit por ela.

Tentado consertar o erro  o rajá se empenhara de forma insistente a mudar a visão da jovem sobre ele e isso os levará a um encontro que muda a vida de Anita Delgado para sempre.

Jagatjit é um marajá que, desde cedo, teve toda a bajulação que um homem com muito dinheiro tem, mas teve também que lidar com muitos obstáculos. Ele foi criado sob a doutrina do seu país tanto que aos 11 anos se vê casado com sua primeira esposa. Quando alcança a maioridade ele descobre um novo mundo no Ocidente e acaba trazendo para seu país  muitas inovações o que o faz, por muitas vezes, ser mal visto e interpretado por  muitos outros rajás de diversas castas.

A vida segue adiante, casado com 4 esposas e com vários filhos o rajá em uma de suas viagens pelo Ocidente tem seus olhos brilhando e o coração batendo mais forte por uma bela jovem. Ele demonstrara seu interesse de imediato e não medirá esforços para conquistar o coração da bela mulher, pois vê nela a esposa que pode acompanhá-lo em suas viagens e aventuras pelo mundo.

Jagatjit depois de muito empenho conquista o coração da jovem e dispensa um cuidado especial para que ela aprenda tudo  necessário para se tornar uma esposa perfeita nos costumes da índia.

Anita vendo seu coração ser habitado por um sentimento até então desconhecido se dedicará imensamente ao que lhe for ensinado ganhando a cada dia a admiração do seu rajá. Mas quando se muda para a índia Anita sofre com a descriminação pelo fato de ser estrangeira e branca, pois as outras esposas a veem como uma ameaça. E o fato de Anita não viver no harém do rajá complica ainda mais a situação da moça, pois soa aos outros como um insulto.

Ela se sente muitas vezes muito sozinha mesmo estando rodeada de pessoas. Seu amado  faz de tudo para que isso seja amenizado, até mesmo constroi um palácio para a princesa  para que ela viva com ele  e não solitária. Isso despertará a inveja das outras mulheres e é visto novamente como uma ameaça à tradição hindu. Anita vê uma sociedade totalmente diferente da qual ela foi criada.

Foto: Cris Vieira


O tempo passa e Anita sofre demais com os costumes do rajá, que apesar de admirar a cultura ocidental vive de forma firme suas raízes e isso acarreta um esfriamento no amor deles e acaba colocando Anita uma mulher muito curiosa e corajosa envolvida em um dos maiores escândalos de Kapurthala.

Paixão Índia é uma história sensacional e que vale muito a pena ser conhecida e admirada venha fazer parte deste conto de fadas que nos mostrará que nem todo o final é como queremos e pode ser surpreendente.

Este livro foi um dos maiores presentes que a Editora Planeta poderia nos trazer. Está com ótima diagramação, você não se sente cansado ao ler e ao folhear as páginas você irá encontrar muito carinho da editora ao produzir esta obra prima. As fotos estão bem nítidas e todas em papel couché que faz toda a diferença no toque do livro.

Até breve!

Sarau Poético Deckanto - Eu fui!



 Olá pessoal!

Estou muito feliz com os últimos acontecimentos aqui em minha cidade. Alguns movimentos bem interessantes com relação à leitura, escrita e a cultura como um todo estão bem bacanas e a gente fica feliz quando vê pessoas se empenhando para que isso aconteça né!?

 Eu tenho várias novidades, mas hoje vou falar com vocês sobre o Sarau Poético Deckanto

É um Sarau que ocorre mensalmente no Bar Deckanto. Um estabelecimento que fica no Deck  de frente para a praia do Canto, aqui em Armação dos Búzios.( #ficaadica)

Pois então, no último dia 19 aconteceu a 3ª edição do Sarau e Eu e o Ildo estivemos lá para conVersar sobre poesia. Chegamos um pouco depois do início mas o clima poético estava sensacional.

No dia caia uma chuvinha fina e o frio veio nos fazer uma visita, mas não somos feitos de açúcar né!? Estivemos lá mesmo assim. E foi bom demais. 

Lindas poesias foram recitadas e lidas. Novas amizades foram feitas. E o melhor de tudo, meu coração saiu aquecido com palavras lindas que ali foram semeadas. 

No Sarau Deckanto todos estão convidados a participar, poetas ou não, a intenção é compartilhar por isso algumas pessoas passaram por ficaram um pouco depois se retiraram e a festa seguia em ritmo de poesia, sob a organização simpática Kênia, pessoa que adorei conhecer e também da querida amiga Luisa Barbosa. 

No final do evento, acontece uma atividade bem interessante. Em  comum acordo os participantes decidem um tema e todos escrevem alguns versos sobre este tema em uma folha A4, conforme a folha vai passando ela é dobrada para que um não veja o que o outro escreveu, ao final a folha é aberta e faz-se a leitura do poema formado.  Os organizadores nomearam a atividade como Momento Poemar. Muito justo né!?

Por isso, com licença de todos os participantes trago aqui a linda poesia que se formou a partir de nossas intervenções. O tema desta vez foi Medo x Felicidade, dois temas que prevaleceram ao longo de nossas conversas. E vale lembrar que nada foi mudado, está como foi escrito pelo participante.  

Vejam:

Poemar Do Terceiro Sarau Deckanto (19/05/16)
Tema: Medo X Felicidade 


Medo e felicidade

Quem muito mostra, pouco tem.
No começo tive medo.
Na realidade, era uma monstruosa felicidade.
Felicidade. Ser feliz. Temer o medo de ser feliz?
Sou andarilho da vida. Arredio, quero sim felicidade no espírito.
Mas tenho também medo que me assola a espinha.
Mesmo assim, prossigo.
Porque sei que é assim que sigo vivo.
O medo tem um segredo:
Ele odeia a felicidade!
Ela, por sua vez, lhe sorri:
- Um dia te dobro, cedo ou tarde!
O medo paralisa, pára.
E a felicidade, passa.


____

Gostaram? Eu achei sensacional. como as palavras nos fazem bem e quando as juntamos conseguimos fazer coisas lindas! Já estou ansiosa para a próxima edição do sarau que acontecerá no próximo mês. Fiquem de olho da nossa fanpage que vamos anunciar por lá a data certa. Se você estiver por aqui e quiser participar, já está convidado!  
___________________________
Fotos: Kenia Serena 
Edição: Vanessa Vieira


Seleção para Antologias - Editora Illuminare



Estamos aqui para comunicar a vocês duas coisas muito importantes. A primeira é que renovamos nossa parceria com a Editora Illuminare - Selo Antologias Brasileiras ( *-*) e a segunda é que sim! A editora já está com novas seletivas para coletâneas. São quatro(4) livros com temáticas bem interessantes e você está super convidado a participar!


1. Contos de Fadas - Releituras da Realidade
2. OVNIs - Contos Extraterrestres
3. Folclore Brasileiro - Contos Regionalistas
4. Ardente & Caliente - Cuentos de Pasión
Edição Especial Bilíngue (Português/Espanhol)

Se interessou? Tem vontade de participar de alguma das coletâneas? Então fique atento, envie seus textos e seja um novo autor brasileiro.Todos os autores que publicarem com a Illuminare tem a oportunidade de participar de diversos projetos como o Projeto PAPEL, o Desafio Microcontos, espaço para publicação na Revista Contos & Letras, tudo sem custo, sempre em prol do destaque do autor brasileiro.

Destaque seu talento literário, venha publicar seu conto ou livro solo com a Editora Illuminare. Esses livros serão lançados em um evento muito divulgado e de alta repercussão midiática, a 4ª Tarde Literária no Rio de Janeiro (agosto/2016) e também, possivelmente, na Bienal do Livro em São Paulo (a confirmar).

Serão grandes eventos literários, com destaque aos autores participantes, sessão de autógrafos, distribuição de brindes, sorteios de livros, mesa redonda sobre literatura e workshop sobre Escrita Criativa. Tudo no lançamento dos quatro livros acima citados.

Antologias Brasileiras - Editora Illuminare
Leia os editais e envie seus textos.

Até a próxima!

Lançamentos Editora Planeta - Maio


Oi gente!

Hoje vou trazer para vocês as novidades que a Editora Planeta trouxe neste mês de maio. Mas antes de mostrar a vocês tenho que dizer que a Editora arrasou! Foi muito difícil fazer a escolha da leitura! Parabéns Editora Planeta! 


A GAROTA PERFEITA

Autoria: Mary Kubica
Data de publicação: 03/05/2016
Páginas: 336
ISBN: 978-85-422-0681-4
Formato: 16 x 23 cm.
Apresentação: Brochura com orelhas
Coleção: Outros

Mia, uma professora de arte de 25 anos, é filha do proeminente juiz James Dennett de Chicago. Quando ela resolve passar a noite com o desconhecido Colin Thatcher, após levar mais um bolo do seu namorado, uma sucessão de fatos transformam completamente sua vida. Colin, o homem que conhece num bar, a sequestra e a confina numa isolada cabana, em meio a uma gelada fazenda em Minnesota. Mas, curiosamente, não manda nenhum pedido de resgate à familia da garota. O obstinado detetive Gabe Hoffman é convocado para tocar as investigações sobre o paradeiro de Mia. Encontrá-la vira a sua obsessão e ele não mede esforços para isso. Quando a encontra, porém, a professora esté em choque e não consegue se lembrar de nada, nem como foi parar no seu gélido cativeiro, nem porque foi sequestrada ou mesmo quem foi o mandante. Conseguirá ela recobrar a memória e denunciar o verdadeiro vilão desta história?


AZEITONA


Autoria: Bruno Miranda
Publicação:  2016
Páginas: 352
ISBN: 9788542207088
Apresentação:    Brochura
Número da edição: 1

Ian e Emília não trocaram mais que duas palavras desde que começaram a estudar juntos, mas é o nome dela que vem à mente dele quando precisa de uma parceira para um plano mirabolante: participar de um reality show sobre casais adolescentes que vão ser pais.
Isso em troca de um cachê capaz de resolver todos os seus problemas.
Ian tem dezesseis anos e foi criado pela irmã, Iris, que precisou abrir mão de oportunidades na vida para cuidar dele. Agora, quando ela finalmente vai conseguir se formar na faculdade, ele se sente na obrigação de retribuir de alguma maneira.
Emília, aos dezessete anos, não quer retribuir nada a ninguém – pelo contrário, seu sonho é sair de casa o quanto antes para não discutir mais com a mãe, com quem sempre teve uma relação conturbada.
O fato de que eles não são um casal nem têm planos de ter um bebê de verdade parece apenas um detalhe. Mas a vida reserva surpresas, nem sempre boas, para quem acredita que é fácil inventar a própria história.
O romance de estreia de Bruno Miranda, criador do canal Bubarim, no Youtube, é uma história divertida e tocante sobre relacionamentos familiares. 


FLOR DA PELE

Autoria: Javier Moro
Data de publicação: 03/05/2016
Páginas: 432 
ISBN: 978-85-422-0702-6
Formato: 16 x 23 cm.
Apresentação: Brochura com orelhas
Coleção: Outros

Estamos no início do século XIX, e a varíola, também conhecida como “flor negra” pelas marcas que deixa na pele daqueles que são infectados, é a doença mais temida do mundo. Não há rico ou pobre, criança ou velho, que esteja a salvo. Ao menos até pesquisadores começarem a testar um método ousado, porém eficaz, que consiste em provocar infecções atenuadas em pessoas saudáveis, tornando seus organismos resistentes ao mal. É nesse momento que uma jovem mãe solteira, Isabel Zendal, torna-se a primeira enfermeira da história numa missão internacional. Acompanhada por vinte e duas
crianças com idades entre três e nove anos, ela parte rumo aos territórios espanhóis no além-mar para levar a recém-descoberta vacina da varíola à populações pobres. A expedição é liderada pelo médico Francisco Xavier Balmis e por seu ajudante, Josep Salvany, que enfrentarão a oposição do clero e a corrupção de autoridades locais – e também disputarão o amor de Isabel. A história real de amor e coragem de Isabel Zendal, à qual o best-seller Javier Moro teve acesso após ampla pesquisa, é retratada neste romance com a mesma riqueza de detalhes e delicadeza de outros sucessos do autor, como Paixão índia e O sári vermelho.

RAIO DE SOL

Autoria: Kim Holden
Ano de publicação: 2016
Páginas: 448
Idioma: português
ISBN-13: 9788542207453
ISBN-10: 8542207459

Segredos. Todo mundo tem um. Alguns são maiores que os outros. Alguns, quando revelados, podem curar você... E outros podem acabar com você. “Faça épico”, costuma dizer Kate Sedgwick quando quer estimular alguém a dar o melhor de si. Nascida numa família-problema, com direito a mortes e abandono, a garota de dezenove anos sempre buscou fazer a diferença. Em vez de passar os dias lamentando os infortúnios da vida, como tantos fariam em seu lugar, sempre vê as coisas pelo lado positivo – não é por outro motivo que Gus, seu melhor amigo, a chama de Raio de Sol. E é por isso que, quando passa na faculdade e se muda da ensolarada San Diego, na Califórnia, para a fria cidade de Grant, em Minnesota, ela leva consigo apenas boas lembranças e perspectivas. O que ela não espera é que será surpreendida pelo amor – único aspecto da vida em relação ao qual nunca quis ser otimista – ao conhecer Keller Banks, um rapaz que parece corresponder aos seus sentimentos. Acontece que tanto ele quanto ela têm um segredo. E segredos, às vezes, podem mudar tudo.

Por hoje é só minha gente! =) Espero que gostem das novidades. Nós aqui do blog adoramos e loguinho traremos as resenhas para vocês! Um grande abraço! 

Resenha: Flowers for Algernon - Daniel Keyes



 

Título: Flowers for Algernon
Autor: Daniel Keyes
Formato: E-book
Idioma: Inglês

Resumo: "Charlie Gordon, QI 68, é um varredor de chão e o motivo de risada de todos que o conhecem - até que um experimento no aprimoramento da inteligência humana o transforma em um gênio. No entanto, Algernon, o rato cuja tranformação experimental precedeu a de Charlie, acaba morrendo, e Charlie tem de enfrentar a possibilidade de sua salvação ter sido apenas temporária." (Fonte: Livraria Cultura)




Charlie trabalha em uma padaria, limpando o chão e fazendo entregas de vez em quando. Há dezessete anos ele está nesse emprego e não pensa em mudar. Ele aprendeu há pouco tempo a ler e vai toda noite a uma escola especial, pois seu maior sonho é ler e escrever bem. Charlie tem dificuldades para aprender, pois tem um certo retardo mental, porém tem muita vontade e determinação. Por causa disso ele é escolhido para participar de um experimento inovador, o qual permitirá que Charlie se torne mais inteligente.

Esse experimento já tinha dado certo com Algernon, um rato de laboratório que virou um rato gênio. Por isso, Dr. Nemur e sua equipe acreditam que nada de errado acontecerá com Charlie, apesar de não ser isso uma certeza. De fato, após a operação, Charlie passa a aprender muito rápido e, em pouco tempo, se torna um gênio, assim como ocorreu com o ratinho branco. Tudo parece correr muito bem, mas a saúde mental de Algernon de repente começa a deteriorar, e Charlie se dá conta de que seu destino será o mesmo.

Essa brilhante história foi publicado na década de 1960 e ganhou o prêmio Nebula, o Hugo Awards e foi transformado em filme. Nela, vemos vários temas muito interessantes serem abordados de maneira tocante. Através da experiência de Charlie Gordon, Keyes aborda a questão da posição de doentes mentais na sociedade, a tensão entre razão e emoção e a influência do passado das pessoas em seu presente. Essas temáticas aparecem em um texto repleto de simbolismos, os quais fazem o leitor adentrar o mundo interior do protagonista e se questionar sobre vários aspectos da condição humana.

Achei a forma em que o livro foi escrito bastante interessante: todo o enredo é narrando por meio dos relatórios de progresso redigidos pelo prórpio Charlie, os quais começam sendo extremamente mau escritos, mas melhoram gradativamente para, depois, voltarem a decair. Isso permite que acompanhemos a jornada do intelecto do personagem não só através dos acontecimentos em si, mas também por meio da maneira como o personagem se expressa. Esse artifício também promove grande tristeza, pois anuncia o declínio de Charlie.

Chorei muito nessa obra e me senti tocada e envolvida pela experiência única de Charlie Gordon, a qual me fez refletir sobre vários aspectos da vida. Achei Flowers to Algernon uma obra poderosa e dizer que a recomendo seria muito pouco; acho que esse livro é um daqueles que toda a gente deveria ler.  Infelizmente, não encontrei nenhuma tradução para o português; mas a Livraria Cultura vende o livro digital em inglês, por meros 31 reais. Quem conseguir ler bem nesse idioma não deve perder a chance de se deliciar com esse clássico da ficção científica.

Resenha: O Céu é logo Ali - Lílian Farias


Título: O Céu é logo Ali
Autora: Lílian Farias
Editora: Divas
Páginas: 118
Ano: 2014 / Edição:
ISBN: 978-85-8270-085-3
 Skoob

"O céu é logo ali representa a liberdade que são as borboletas e nos pássaros. Dolores e Clarice são mulheres que buscam tal liberdade. Dolores é uma mulher de muitas experiências; de vida simples e sem amigos. O único amigo que  é esquizofrênico e a trata com muito carinho. Clarice é cheia de mimos e sempre teve de tudo, mas o que as liga são suas tribulações de sentimentos e busca por liberdade. Dolores fica encantada com o mais simples dos gestos, um pingo de chuva sobre a pele faz dela a pessoa mais feliz e livre do mundo. Já Clarice tem a vida dos sonhos, porém o destino pode destruí-lo com rapidez. O livro da Lilian é profundo e tocante. Ele nos mostra que devemos aproveitar o momento porque tudo pode acabar em um piscar de olhos." (Fernanda Bezerra)
----------
"Ao adentrarmos nos mundos distintos dessas duas jovens, mergulhamos numa profusa miscigenação de anseios, lutas, estratégias de sobrevivência. A história de duas mulheres que, unidas pelo destino, resolvem aflorar todo fluxo de sobrevivência do "ser", do corpo, da alma, da mente, que advém quando se é permitido ser livre. Liberdade, essa, assemelhada a quem saboreia o voo das borboletas." (Valéria Sabrina)

Oi pessoal! Hoje vou trazer para você minhas impressões sobre o livro O céu é logo ali escrito pela Lílian Farias. A Lílian também é autora do Livro Mulheres que não sabem chorar -que logo será resenhado aqui - e também é blogueira dona do blog Poesia na Alma.
Mas focando na resenha de hoje, acho que a primeira coisa que tenho a dizer é que foi uma leitura muito especial e ao mesmo tempo muito difícil. Eu acho que se eu disser que li duas vezes antes de vir aqui resenhar vocês podem nem acreditar, mas é a pura verdade. ( Acreditem!!!)
No livro somos apresentadas a duas mulheres, Dolores e Clarice. Duas pessoas com vidas completamente diferentes, mas que buscam a mesma coisa, um lugar para chamar de seu. Se vocês preferirem podem chamar este "lugar" de Liberdade. Pois é exatamente isso que elas buscam. Acho que na verdade, vão descobrindo ao longo de suas experiências que é isso que almejam.
Dolores, cresceu sozinha e foi aprendendo a se virar na vida. Esqueceu em algum lugar de sua existência que precisava olhar para dentro de si. Já Clarice, nasceu em um ambiente completamente diferente, sempre foi o foco por onde passava...
"Penso que cosmo sem caos não é paz. Vida sem rituais? Um sol que nunca se põe? Uma felicidade eterna? Uma mulher que não dorme? O que ela está fazendo? Um mundo completo por pedras de Cristais.
Não precisa ser vidente para saber que a órbita dessas vidas verá um furação. Uma vida inteira de açúcar pode dar overdose!"
Mas as coisas mudam para nossas duas amigas. A vida mostra que dá voltas e que no meio do caminho podemos ser surpreendidos a ponto de termos que replanejar, reviver e revirar o tempo para encontrar de novo um eixo que possamos chamar de  "EU". 
Os capítulos são alternados entre as experiências de Clarice e Dolores. E além das duas conhecemos Luis, namorado de Clarice; Clementino, amigo esquizofrênico de Dolores; e os pais de Clarice e os de Luis que em minha opinião são personagens importantíssimos para completar e deixar a história ainda mais fantástica. 
Lílian usa ao longo da história a simbologia da borboleta. Eu não poderia deixar de citar este fato aqui, mas escolhi apenas citar e deixar que vocês na leitura do livro descubram do que exatamente estou falando.

O que tenho então a dizer sobre esta obra? Simples, me arrebatou de todas as formas possíveis. Cada página lida ressoava lá dentro. Meio que tocando mesmo uma ferida ainda aberta. Lílian traz apenas duas personagens nomeadas, mas na verdade fala de todas as mulheres. Marias, Joanas, Vanessas, Luanas... Todas!! Aquelas que acham que tudo está bem e aquelas que acham que tudo está mal. E neste sentido, eu fui conseguindo compreender o título do livro. Sempre há algo que podemos enxergar e se estivermos com os corações abertos para as mudanças a transformação será muito mais fácil, já que, de todas as formas, mudar é algo indissociável ao fato de existir. 

"Todos precisavam passar pela dor da transformação, a mutação é necessária para a evolução das espécies. Quem não se transforma massacra e assassina a própria sorte"

Terminando esta resenha gostaria de agradecer à Lílian por me proporcionar esta linda leitura. realmente foi difícil, mas ao mesmo tempo trouxe experiências sensacionais que levarei para o resto da vida e isso não tem preço, como a própria Lílian fala precisamos abrir o terceiro olho. E sendo assim super indico a leitura para todos vocês. Já se vão três edições e pelo que tenho visto conquistando muitos leitores. Você não pode ficar de fora. 

A edição está uma graça, acabamento limpo, uma capa sensacional ( Sou apaixonada por esta capa! ) as folhas são brancas mas com letras grandes que facilitam bastante a leitura. Parabéns à Lilian e à Editora pelo lindo Trabalho! 



"Não dá para correr do que somos se desejamos viver"

Vou ficando por aqui, mas vocês podem conhecer mais um pouco da Lílian no post de parceria e também em sua página ou na página do livro

Abraços!

Livro cedido pela autora para leitura e resenha

Lançamentos: Petit Editora




Um novo dia para amar

 




SINOPSE

Valéria é diretora de uma escola e adora trabalhar com crianças. Porém, ela começa a se deparar com situações as mais estranhas possíveis: alguns alunos, de repente, começam a falar sobre assuntos incomuns, como se tivessem vivido em outras épocas e conhecido pessoas do passado. Outros têm reações agressivas e provocam conflitos entre os colegas. É nesse pano de fundo que Paulo Hertz, o autor espiritual deste romance, relata de forma simples as mudanças comportamentais das crianças e mostra por que apenas conhecimentos pedagógicos e psicológicos nos dias de hoje não são suficientes para ajudá-las.

O autor espiritual, Paulo Hertz, nos traz uma abordagem diferente sobre a questão educacional atual. Tema de suma importância nos dias de hoje, Um novo dia para amar, psicografia de Célia Xavier de Camargo, trata sobre os comportamentos “diferentes” dos alunos, motivados, na realidade, por questões de envolvimento espiritual - cujo assunto até então a diretora da escola ignorava totalmente.  Esta é uma história indispensável àqueles que lidam com crianças e adolescentes e buscam conhecimento sobre a imortalidade da alma e a possibilidade de comunicação de encarnados e desencarnados.


 Família, somos todos espíritos

 
SINOPSE
É comum ouvirmos a frase: “família não se escolhe; amigos, sim!”. Na contramão desse senso comum, Manolo Quesada nos mostra em Famíla, somos todos espíritos que entes familiares são fundamentais para nosso crescimento intelectual, espiritual e moral, e a eles devemos dedicar nossa atenção e respeito. Considerando que a família carnal é filtro para o encontro de uma maior e mais harmonizada – a espiritual –, o autor nos lembra de como é importante nos harmonizarmos agora, enquanto estamos juntos, encarnados. Existe, então, uma regra para solidificar os relacionamentos familiares?  Neste livro veremos que sim, e que a única maneira de trilhar esse caminho é pela lei do Amor, tão maravilhosamente ensinada por Jesus e que ultrapassou a barreira do tempo e das civilizações.

Este livro nasceu da necessidade de mostrar maneiras simples e práticas de como viver bem em família. De acordo com Manolo Quesada, pequenas ações podem mudar o clima e o comportamento entre os familiares. Por meio de sugestões simples, o autor nos ajuda a solucionar problemas que, no calor de uma discussão, não conseguimos resolver. Ele sugere táticas para facilitar a compreensão e dá dicas práticas de como lidar com questões como namoro, casamento, relação entre pais e filhos, crianças prodígios, e até diante do sofrimento e da dor. Segundo o autor, os filhos merecem atenção especial, pois vieram à família após passar por processo de grande preparação. Ele também alerta os pais sobre a mediunidade das crianças, para que possam entender que esse dom não é doença, e faz uma importante abordagem sobre o papel da dor em nossas existências corporais e na evolução do espírito. E, fundamentalmente, mostra-nos que comportamentos relacionados ao amor, conforme são descritos na Carta de Paulo aos Coríntios, como paciência, gentileza, humildade, respeito, altruísmo, honestidade, compromisso e perdão, leva-nos ao caminho da evolução espiritual. “Toda a mudança que queremos ver no mundo tem que, em primeiro lugar, ser efetivada em nós mesmos”, explica.

Café Poético - Vera Lílian


Olá pessoal! Pensaram que eu esqueci do Café Poético né!? Pois eu não esqueci, apenas dei uma para para organizar algumas coisinhas aqui. Mas estamos de volta e com uma poetisa muito especial.

Hoje vamos conhecer um pouco da poesia de Vera Lílian. Professora, amiga e companheira que tenho o prazer de conhecer e conviver. Os versos de Vera são livres e nos trazem sempre uma linda reflexão. Hoje vamos falar de amor. Vejam!




Sobre a Vera

Vera Lilian Batista, nasceu em nove de maio de 1957 em casa, com parteira, na base aérea, de São Luís do Maranhão, berço de ilustres poetas brasileiros. Sempre gostou de livros, estudava e pesquisava em bibliotecas públicas, principalmente nas enciclopédias, sem Google.  Formou-se em Letras pela UFRJ, como professora de Língua Portuguesa e Literatura. É pós-graduada em Língua Espanhola e em Gestão Pública pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Veio para a região dos Lagos, a partir de 1991, divorciada e com o casal de filhos. Atuou como professora concursada das prefeituras de Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia. Chegou à Armação dos Búzios, através de concurso público realizado pela UFF, no ano de emancipação da cidade, em 1995. É acadêmica da ALAB, Academia de Letras e Artes Buziana. Em 2013, atuou como professora Coordenadora das Salas de Leitura de Armação dos Búzios. Atua como membro do Conselho Municipal de Educação. É Revisora de textos de livros, jornais e trabalhos científicos. Participante de vários grupos de poetas e saraus, na cidade de Búzios.

 

Curta também

Arquivo do Blog

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas