Não interessa quem venceu. A mudança que você tanto pediu, vem de você!




Durante todos estes meses acompanhei de perto o que se dizia e fazia no campo chamado eleições. Não me pronunciei aqui porque de fato, eram muitas questões em jogo e uma palavra mal dita geraria confusões que eu não estava a fim de contracenar. Preferi ficar com meus pensamentos, minhas análises e principalmente, observações. 

Vi um povo mais vivo, embora muitos ainda não tenham compreendido o que vem a ser a política e o que a difere do fato de todos nós sermos seres políticos. Mas vi argumentos, contraposições de ideias e vários fatores que me fazem perceber um país diferente, mesmo que seja no mínimo do mínimo. 

Mas a questão que me traz hoje aqui é o tema Educação, tão mencionado pelos candidatos a todos os
cargos que estiveram em votação. Falamos que o povo precisa de melhoria na educação, falamos de valorização dos professores, falamos de condições de vida, de saúde. mas esquecemos de um ponto que é chave para todas essas questões.

Educação familiar. E o que que isso tem a ver com a política? Tudo! A educação não está só na escola, não está na cabeça dos professores, escritores e demais intelectuais. A educação está em cada um de nós e está pronta para ser desenvolvida. 

Quantos pais hoje valorizam um olhar atento aos seus filhos? Quantos, mesmo aparados pela lei, deixam seus trabalhos para comparecer às escolas para saber o que seus filhos fazem por lá?  Pouquíssimos!!!

Agora, como que estes mesmos pais vêm cobrar do governo, dos professores das Escolas uma educação de qualidade?? E não venham me dizer que famílias humildes não tem condições de fazer este tipo de intervenção, porque são elas as que mais participam da vida escolar de seus filhos, mesmo que ainda de forma precária. 

Não tem Dilma, Não tem Aécio e nenhum outro governante capaz de mudar este quadro se o povo, nada fizer para mudar. À quem não sabe, aprendizagem significa mudança de comportamento. Então me digam, de que adianta xingar, espernear, maltratar pessoas, porque fizeram escolhas e junto com a maioria decidiram uma eleição? 

Não! "Não é o aceita que dói menos", É o aceite e faça alguma coisa para mudar! Entenda-se como um
cidadão de opinião, estude, entenda o que é o que não é em seu país. Deixe que a maria vá com as outras e mantenha-se seguro de suas opiniões. Sem agressões.

Atacando, criticando e sendo preconceituoso você só contribui para que o país continue do jeito que está. Governantes roubando, povo criticando, aceitando dinheiro para votar, analisando fatos com ideias alheias e principalmente, sem sair nenhum passo do lugar. 

A mudança que você quer começa em você, isso não é utópico. 
É a realidade. faça por onde ela acontecer! 


Vanessa Vieira

Comentários
5 Comentários

5 Comentários:

  1. Está de parabéns Vanessa!
    Com muita educação e uma ótima sabedoria soube falar de uma parte em que o nosso país está em deficiência! parabéns!
    Beijos!
    www.sonhosdeparis.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grata pelas pelas e pelo carinho Julyanna!
      Feliz que estejas aqui!

      Um beijo pra ti!

      Excluir
  2. Exatamente!! Discutir não vai mudar o que aconteceu.. o que precisamos fazer é cobrar de quem foi eleito.
    Ótimas publicação ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clay! Muito grata por tua visita! Concordo a gente tem que fazer a nossa parte! =)

      Um beijo! :*

      Excluir
  3. Ótimo texto, Vanessa!
    Se ficarmos esperando que a mudança aconteça só no governo, ela nunca acontecerá, nós também temos que promover essa mudança, nas pequenas coisas da nossa vida.

    Beijo
    Colecionando Primaveras
    Fanpage

    ResponderExcluir

Trate as pessoas da forma como devem ser. E você as ajudará a se tornarem aquilo que elas são capazes de ser (Goethe)

Obrigada pela visita!
www.pensamentosvalemouro.com.br

 

Curta também

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas