Resenha: Amor imerso - Penélope Ward

Cuidado! Livro não recomendado a menores de 18 anos. Contém cenas eróticas.

Eu adoro esse romances que falam de paixões da adolescência, que demoram a acontecer. Adoro romances em que os personagens brigam a beça antes de ficarem juntos. kkkk Sim, sou dessas. Logo, fui animada para essa leitura. E acertei em cheio na escolha. Eu amei o livro!! Li super rápido, é muito gostoso de ler, é leve, fácil, divertido e quente!!!


Amélia é  uma professora, que perdeu a avó  há  um mês e acaba de descobrir, através de seu advogado, que herdou, entre outras coisas, metade da casa de veraneio numa ilha.

A outra metade? Sua avó deixou a outra metade para Justin Banks. Ok... mas... quem é Justin? Enquanto Amélia explica a sua amiga, que ele é um garoto que cresceu com ela, um garoto que a avó cuidava, por dentro ela pensava que ele era apenas o único homem que ela amara na vida.

Amélia resolve ir para a casa da ilha, após descobrir que seu namorado a traia. Ela mantinha uma rotina tranquila na casa, tentando renovar seu estado de espírito, apenas ela e seus livros. (Amélia, nesse momento, te invejo, garota. Queria eu, uma casa na ilha, bela vista, tranquilidade, eu e meus livros...) Porém, nossa protagonista não consegue relaxar totalmente, sempre à  espera de que Justin chegue a qualquer momento.

Sua tranquilidade acaba, quando ao chegar em casa, se depara com Jade. A namorada de Justin. Jade é uma moça muito agradável e mesmo sem querer gostar dela, Amélia vai desenvolvendo um bom relacionamento com a menina. O que já não se pode dizer, do seu relacionamento com Justin.

Justin parece que faz toda a questão de ser desagradável com Amélia. Tem a questão do café que é muito legal, mas que nem vou desenvolver aqui, porque só vai fazer sentido quando vocês lerem. Amélia também tem que lidar com as noites de sexo intensas e barulhentas de Justin e Jade.

"Estou tentando controlar a raiva, Amélia. Devia ficar satisfeita. Respeitar você? Por quê? Por não estar transando? Por quê não vai procurar um cara salgado no píer? Talvez pare de se preocupar tanto com a vida dos outros."

Uma coisa que achei muito legal, foi que no decorrer da história, a autora vai narrando eventos do passado dos dois, o que nos ajuda a ir construindo e entendendo o relacionamento deles. Até que depois de um episódio pra lá de quente e ao mesmo tempo vergonhoso para Amélia, o relacionamento deles parece que vai mudando um pouco de caminho.

"As lágrimas começaram a escorrer. Eu estava chorando e não conseguia nem saber exatamente o por quê. Essa foi a primeira vez que percebi que estava apaixonada por ele. Eu amava Justin. Mais que a um amigo, mais que tudo. E estava furiosa comigo mesma."

Muitas coisas acontecem na trama e levam Amélia a morar definitivamente na casa da ilha. O livro é repleto de sentimentos. É bonito de se ver, o amadurecimento de Justin e desse sentimento que une os dois. Às vezes, dá vontade de socar um e outro, mas nada muito grave. rsrsrs E é  de enternecer o coração, o quanto Justin se derrete e se entrega... (como posso dizer, sem dar spoiler...) ao lidar com um acontecimento inusitado na vida de Amélia.

Recomendadíssimo!!! Um romance delicioso de ler!!! 
Leiam e me contem se não é  a coisa mais linda, esse livro? 
Já quero ler outras coisas da Penelope...




Título: Amor Imerso
Autora: Penelope Ward 
Editora: Essência ( Editora Planeta)
Ano: 2017
Páginas: 272
ISBN: 9788542209341
Sinopse: "Desde garoto, Justin amava Amélia, que odiava Justin desde que ele se mudou para a casa vizinha à  da sua avó , em Rhode Island. Não, nada disso. Amélia também amava Justin, mas um mal-entendido o fez pensar que a garota mais incrível do mundo não correspondia ao seu amor e, pior, o odiava.
Os anos se passaram e os dois tomaram caminhos distintos até  que o destino - e um emporrãozinho de Nana, avó de Amélia - os reuniu novamente na casa onde se conheceram quando eram adolescentes.
Obrigados a compartilhar o mesmo espaço, Justin - que aparece na casa de praia de Nana com a namorada - e Amélia vivem como cão e gato. Orgulhosa, a princípio ela não dá o braço a torcer ao amor que sempre sentiu pelo vizinho e reluta o quanto pode contra os encantos de um Justin agora mais maduro e... muito mais atraente.
Será que ambos resistirão à paixão e ao desejo que os incita desde a adolescência?"
( Livro cedido pela Editora para Leitura e Resenha)

0 Comentários:

Postar um comentário

Trate as pessoas da forma como devem ser. E você as ajudará a se tornarem aquilo que elas são capazes de ser (Goethe)

Obrigada pela visita!
www.pensamentosvalemouro.com.br

 

Curta também

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas