Quero Independência!

 
Independência, 7 de setembro, brasil, poesia, poemas, vanessa, poetas contemporâneos, literatura Brasileira

 
 Quero ser livre,
Mas não almejo a liberdade
Para fazer minhas próprias vontades.

Espero ser livre
Para olhar para o lado 
E enxergar humanidade.
 
Quero independência 
Mas a que é real
Banhada à solidariedade! 

Almejo um dia festejar 
A beleza da diversidade, 
mas apenas, se ela existir de verdade!  

O que anseio no fundo
é a independência da essência!
Aquela alijada da falsidade. 

Fartei-me da hipocrisia!
 
Liberdade é um substantivo
Que só é bem usado, 
quando alinhado com a integridade. 

Vanessa Vieira
Brasil, 07/09/2021


Postar um comentário

4 Comentários


  1. Concordo com:
    Liberdade é um substantivo
    Que só é bem usado,
    quando alinhado com a integridade.

    Hoje em dia, há gente que se esqueceu dos valores morais. O pior é quantos dormem no coma do engano!

    Obrigada pela visita no meu cantinho!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bella!! Obrigada pela visita!! Gostei muito do destaque que fizestes!! É meu preferido do poema!

      Excluir
  2. Olá, Vanessa, lindo e inspirado poema, cheio de verdades.
    Gostei imenso.
    Um bom domingo e uma feliz semana pra você.
    Beijinhos

    " Quero ser livre,
    Mas não almejo a liberdade
    Para fazer minhas próprias vontades."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Taís! Feliz que tenha gostado! Precisamos urgente desta liberdade humana! Um abraço!!!

      Excluir

Trate as pessoas da forma como devem ser. E você as ajudará a se tornarem aquilo que elas são capazes de ser (Goethe)

Obrigada pela visita!
www.pensamentosvalemouro.com.br