Eu/s



Deito-me
em êxtase 
com o tempo

deleito...

sinto-me  esvaziar.
Sou em essência.

Ouço os pássaros,
o bailar das árvores...

Sou...
eu...

Num impulso,
olhos se abrem!
Agora 
sou outra
Sou o que 
construí
na vida...

tenho escamas...
tenho dramas...
tenho
e tenho muito/s

agora,
sou dois
em uns

e tantos que nem sei...

mas...

Nesta ciranda 
sigo assim,
emergente eu
eu emergente
de mim!

Por Vanessa Vieira
Imagem: Flor do Campo - Guilherme Junior 

0 Comentários:

Postar um comentário

Trate as pessoas da forma como devem ser. E você as ajudará a se tornarem aquilo que elas são capazes de ser (Goethe)

Obrigada pela visita!
www.pensamentosvalemouro.com.br

 

Curta também

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas