Resenha: A garota dinamarquesa - David Ebershoff



Autor: David Ebershoff
Tradutor: Paulo Reis
Editora: Fábrica 231
Páginas: 368


Sinopse: "Inspirado em uma história real, este romance inquietante, narrado com elegância e sutileza únicas, apresenta uma trama ousada que transcende os limites de sexo, gênero e localização histórica. A prosa rica e o discurso emocionado transformam esta obra numa história de amor poderosa, que marcará para sempre a vida do leitor" (Fonte: site da Livraria Saraiva).




Assunto relacionados a gênero me interessam bastante, por estarem ligados ao movimento feminista, do qual me orgulho de fazer (uma modesta) parte e por oferecerem reflexões instigantes. Assim sendo, ao tomar conhecimento da existência desse livro, não pude me furtar de comprá-lo e de começar a leitura imediatamente.

Baseado em fatos reais e ambientado entre as décadas de 1920 e 1930, A Garota Dinamarquesa conta a história de uma das primeiras pessoas a se submeterem à cirurgia de reafirmação de gênero: Lilly Elbe, antes conhecida como Einar Wegener. Acompanhamos, nesse livro, o desabrochar de Lilly, a qual veio ao mundo quando a esposa de Einar (a pintora Greta) vestiu seu marido com roupas femininas para poder usá-lo como modelo em um quadro. 

A narrativa dessa obra é muito íntima, retratando com cuidado o turbilhão interior que formava a vida de Lilly e Greta. A história centra-se na relação de ambas e no papel que Greta teve no surgimento de Lilly. O autor deixa claro que, embora a protagonista tenha sido uma pessoa real, a história foi somente inspirada na vida dessa mulher trans, tendo todos os detalhes do enredo sido inventados. Mesmo assim, o escritor respeitou pontos-chave da biografia de Lilly, em especial a visão que ela tinha de si mesma e de Einar.

Essa visão, aliás, merece um comentário à parte. Lilly via Einar como uma outra pessoa: não como a si mesma no passado, mas como um parente distante, ou um outro ser. O escritor afirma, em entrevista anexada ao final do livro (na versão inglesa, à qual tive acesso), que as pessoas trans da atualidade provavelmente não têm essa visão de si mesmas, no entanto, a forma de Lilly encarar sua transição foi verídica (e pode ser confirmada na autobiografia "From Man into Woman"). Assim sendo, Ebershoff optou por preservar esse traço da personalidade da protagonista.

Mesmo não oferecendo uma forma atual de insight na mente de uma pessoa trans, a leitura do livro é muito interessante, principalmente pelo fato de ser uma história de amor. Sim, um romance. Como eu disse anteriormente, o relacionamento entre Greta e Lilly é o foco da obra, a qual acompanha a transformação dos sentimentos que ambas sentem, à medida em que Einar passa a se tornar Lilly. 

Para falar a verdade, essa foi a minha história de amor favorita de 2015. Por quê? Simplesmente devido ao fato do amor de ambas ter continuado a existir durante todo o processo, apesar das dificuldades e mudanças. Ele não permaneceu o mesmo, vejam bem. Einar mudou e, assim, os sentimentos que ele (e depois, Lilly) nutriam por e provocavam em Greta também sofreram transformações; não houve, contudo, extinção. O amor seguiu presente e forte, mesmo se manifestando de maneira distinta.

Embora a obra discuta os limites de sexo e gênero e trate de um tema atual e relevante de forma bonita e intimista, a resiliência dos laços afetivos existentes entre Greta e Lilly, bem como a complexidade de seu relacionamento, foram, para mim, os pontos mais significativos do livro. Afinal, as duas se gostaram muito, independentemente do gênero com o qual uma delas se identificava. E isso, meus amigos, é uma linda mensagem de aceitação, respeito e afeto.


Comentários
21 Comentários

21 Comentários:

  1. Ai estou muito curiosa para ler e ver o filme, adorei ele ter ganhado o Oscar, e só atiçou mais ainda minha curiosidade sobre o filme, espero gostar de ambos. Otima resenha, parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada! Espero que goste do livro, quando tiver a oportunidade de lê-lo. :)

      Excluir
  2. Hi baby, tudo bem? eu vi esse filme para o Oscar e gostei bastante!e como você disse a amizade delas é a coisa mais linda e a melhor coisa do filme <3 quero ver novamente

    Lilian Valentim
    http://speakcinema.blogspot.com.br/
    beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não vi o filme, acredita? Hehe. Vou ver se assito logo! XD :*

      Excluir
  3. Olá!
    Muito interessante a história e muito atual, acho que as pessoas deveriam ler esse livro, é um livro sobre amor e acredito que estamos precisando de mais amor. Eu estou louca para conferir tanto o livro quanto ao filme que levou o Oscar. Espero não demorar para conferir! Adorei a resenha, muito sincera.

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, querida! Fico feliz que tenha gostado da resenha! :) Eu ainda não vi o filme, mas esotu louca pra ver! Espero que seja tão bom quanto o livro! :D Beijinhos! :)

      Excluir
  4. Estou muito curioso para ler esse livro, gosto muito desse gênero.
    Adorei a resenha. Já baixei o livro no Kindle e com certeza será uma das minhas próximas leituras.
    Adorei a resenha. Bjoss!!

    bookbus1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado da resenha! Não esquece de passar por aqui e dizer o que achou, quando terminar a leitura! Beijinhos! :)

      Excluir
  5. Uau!!!! Não é a toa que o livro está em todo lugar. Eu não tinha lido nada dele é agora entendo o furor!!!! Vou dar uma procurada na obra pra ler antes de ver o filme.
    Adorei esse post. Tá guardado aqui nos meus favoritos!

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do post! :D Espero que goste do livro, também! Mil beijos! :)

      Excluir
  6. Estou me segurando para não assistir ao filme antes de ler o livro, mas não sei até quando irei aguentar, rsrs.
    Eu gosto muito de tramas polêmicas, ainda mais quando elas são baseadas em fatos reais, como é o caso deste livro. Algo assim hoje em dia não é muito bem aceito (por mai que se bata nesta tecla), imagina nas décadas de 20 e 30. Faço ideia dos percalços enfrentados pela personagem...
    Deve ser um livro para a vida mesmo, com muitas e válidas lições!!!

    Beijo, Vanessa Meiser - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá Vanessa,

    eu assisti o filme com a namorada, mas acabei dormindo (huahuahuaa), até a parte que eu vi achei bem interessante, quando ele (ela) vai fazer um tratamento, não vou falar mais para não dar spoilers. É um filme baseado em fatos reais, com diversas lições e reflexões. O livro ainda não tive a oportunidade de ler, mas pretendo ler algum dia. Ao ler sua resenha deu para perceber que você gostou bastante, isso é bom. Bjusss.
    www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Sim, o livro é ótimo. Eu não vi o filme, ainda, mas está na minha lista! :) Talvez você precise ver de novo, já que dormiu, né? Hehehe... :)

      Excluir
  8. Oi Flavia, sua linda, tudo bem?
    Que interessante a forma como a Lilly da vida real se sentiu, vendo Einar como outra pessoa e não ela mesma e mais interessante ainda o autor ter dito que hoje as pessoas não se sentem da mesma forma. O que mais chamou minha atenção foi a esposa dele, agora ela, ter apoiado até o fim e dado todo o seu amor, mesmo que não correspondido da forma como gostaria. Imagine como deve ser difícil, ainda mais naquela época, já pensou se ele/ela passasse por isso sozinho(a)? Parece ser uma história linda de respeito, amor e amizade ao ser humano.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi!!
    Eu tenho interesse em ler esse livro por ele ser um fato real e ao mesmo tempo polêmico.
    Eu fico imaginando se esse assunto causa tanta discussão nos dias de hoje imagina só lá em 1920 e 1930, imagino que a vida desse personagem não foi nada fácil.
    Quero assistir o filme e ler esse livro, pelo visto a mensagem que ele deixa é impressionante e faz o leitor refletir um pouco sobre esse amor.
    Beijão!
    Lilica - O maravilhoso mundo da leitura

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Que resenha maravilhosa é essa!! Eu já conhecia o livro por causa do filme, mas sua resenha me deu uma perspectiva totalmente diferente da história. Ainda não li e nem vi o filme, mas ambos tem ótimas recomendações e espero ler/assistir em breve.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, obrigada pelo elogio! :D Também espero que você leia em breve, pois, na minha opinião, o livro valeu a pena! :) Beijinhos!

      Excluir
  11. Ei, tudo bem?
    Eu ouvi por alto sobre o que se trata essa história e fiquei bem curiosa para conhecer mais sobre ela. Parece ser um livro delicado e forte, que nos vai fazer refletir bastante, e eu adoro isso. Assim que eu puder pretendo assistir o filme e ler o livro. Espero que eu os ache tão bons quanto os comentários que vejo.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
  12. Olá, Flávia!
    Ainda não li o livro, mas assisti ao filme ontem. Confesso que, assim como você, fiquei absurdamente encantada pela história forte e suave ao mesmo tempo! O modo como o autor retrata um tema tão difícil me cortou o coração! O amor conseguiu ultrapassar até as fronteiras mais difíceis do gênero, mostrando que ele ainda vence sobre qualquer barreira.
    Estou ansiosa para ler o livro, pois imagino que tenha ainda mais detalhes que o filme! Só hoje descobri que tem o livro, se não teria aguardado a leitura para só após assistir.
    O que mais me marcou nessa história foi saber que é verídica e, ainda mais, por imaginar quantas pessoas vivem o mesmo dilema de Einar, sem a oportunidade de se descobrir em um dos gêneros.
    Beijos!

    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Nossa amei a resenha! A historia parece ser muito interessante para ser debatida na situação atual da nossa sociedade. E o drama do casal parece ser incrível e bem escrito. Já quero ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou da resenha! É um livro muito bom, sim. E trata de um tema bastante atual. Espero que você curta a leitura! :)

      Excluir

Trate as pessoas da forma como devem ser. E você as ajudará a se tornarem aquilo que elas são capazes de ser (Goethe)

Obrigada pela visita!
www.pensamentosvalemouro.com.br

 

Curta também

Arquivo do Blog

Blogs parceiros


Instagram @pensamentosvalemouro

Pensamentos Valem Ouro- Todos os Direitos Reservados | Layout por Qeen Design | Programação por Heart Ideas